Maternidade e Carreira

Maternidade e Carreira

Somos mulheres, profissionais, donas de casa, empreendedoras e também somos mães. Somos aquelas que se preocupam com tudo do momento que acordamos e até quando vamos dormir, possivelmente preocupamos até em sonho. Somos a força motriz da humanidade e chegamos até aqui com garra, intensidade e suor, mas também com muito amor, ternura e sensibilidade. E por chegarmos até aqui e saber que podemos ir mais longe, é natural querermos conciliar todos esses papéis.
 
Para você que é profissional, que possui uma carreira que deu duro para conquistar e agora está com medo de perder isso pois engravidou, tenha calma. A gestação e a licença maternidade são apenas um quadro de alguns segundos em um filme que é a sua carreira. Uma boa profissional, em uma empresa humana e que valoriza acima de tudo a vida, não deve temer o que irá acontecer em seu retorno. Converse com seus gestores imediatos, faça um plano de capacitação para a pessoa, ou várias, que irão assumir suas atividades. Converse com o setor de RH/Departamento Pessoal para se informar sobre seus direitos e benefícios oferecidos pela empresa. Converse se irá tirar férias em sequência da licença maternidade ou, caso já tenha férias vencidas, pode ser que necessite sair antes. Há hoje excelentes exemplos de empresas que oferecem muito além do que é garantido por lei, esperamos que a que você trabalha seja uma delas.
 
Pense com antecedência em seu retorno, não deixe para fazer isso ao fim da licença maternidade. Pense quem irá ficar com o bebê, se ele irá para uma escola, se você irá trabalhar de casa por um tempo, se contratará uma babá. Saber que seu bebê está sendo cuidado e em segurança é essencial para que possa ter foco durante o trabalho. Faça um plano para seu retorno e acorde com seu gestor um período de adaptação à nova rotina, que te proporcione flexibilidade e tranquilidade. Entenda que é um momento de adaptação para todos e faça ajustes que possam te auxiliar a conduzir isso. Pela experiência das mães, a produtividade aumenta bastante no retorno ao trabalho, quando feita de forma planejada. Aquelas reuniões depois do horário, as atividades feitas em hora extra, agora cabem dentro do dia de trabalho, pois ao bater o relógio, é hora de ir correndo ver o pequeno sorriso mais recompensador do mundo.
 
Se você é empreendedora, já se divide entre ser sua própria chefe e tocar os seus negócios, o planejamento é em dobro. Se as operações do seu negócio tem alta dependência da sua presença, talvez seja a hora de delegar mais funções a subordinados e repensar processos para que possa acompanhar à distância. Se trabalha sozinha e não terá um período longo para se ausentar, busque conciliar as suas necessidades profissionais à rotina do bebê. Falaremos disso mais para frente e daremos algumas dicas para você poder ter previsibilidade e se programar.
 
Para você Dona de Casa, que tem o mais difícil dos trabalhos, um que não tem folga, não tem licença remunerada e que a carga horária são todas as horas do dia, é hora de se organizar também. De ter um tempo para cada coisa, incluindo um tempo para você e um tempo de descanso. O bebê será mais uma parte do seu dia já tão atribulado e intenso, mas que será uma alegria a cada sorriso e brincadeira poder estar junto dele. Se permita deixar algumas coisas a serem feitas no outro dia, a acumular um pouco de louça na pia ou não ter um chão impecavelmente brilhante. Faça com que cada dia seja único e especial, por mais exaustivo que às vezes possa parecer.
 
A todas vocês que estão aqui buscando informações e se preparando para o que virá, para o desafio
deste novo papel, tenham certeza: é possível ser mulher, profissional e mãe!
 
 
Fernanda Magalhães é mãe da Maria Victoria e co-autora do livro “Materneasy – O guia para a maternidade mais fácil” da Editora Citadel. Profissional, analista de sistemas, viu que planilhas, projetos e bebês são bem parecidos e as técnicas utilizadas para um poderiam servir para o outro.
Fã de rotina, defensora das boas noites de sono e de tempo para assistir seriados com o papai. Uma mãe multitarefas do século XXI.
 
 

Compartilhe:

Categorias